ABTCP 2020

Mercado de nanocelulose

Os produtos feitos a partir da nanocelulose, especificamente da celulose microfibrilada (MFC), são uma realidade em diversos setores e cada vez mais na indústria de celulose e papel. A Valmet é pioneira em testes e refinação da fibra e segue investindo em inovações relacionadas à nanocelulose e MFC – mercados prósperos no Brasil e no mundo. Desde outubro de 2019, são realizados testes na planta de MFC no Parque de Plantas Piloto da Klabin, na Unidade Monte Alegre-MG, em Telêmaco Borba-PR, na primeira planta compartilhada de extração de lignina e MFC do
mundo, fornecida pela multinacional finlandesa. Recentemente, em Araucária-PR e Sorocaba-SP, a empresa lançou a unidade de negócios de Preparo de Massa (Stock Preparation-SPR) – formada por um portfólio de equipamentos e soluções responsáveis pelo processo de MFC, preparação da massa de fibra de celulose e fibra reciclada, utilizada como matéria-prima para a produção de papel, a fim de ampliar essa seus serviços nesse mercado.

Fonte: Valmet